Terça-feira, 12 de Dezembro de 2006

LINHAS SOLTAS…

 

No vaguear pela tua pele
é o soltar acordes de guitarra,
cantados no fado da vida,
com percursos de marés cheias!
Devorada pelo instinto de fêmea
Solto gemidos no infinito,
embriagada pelo som das ondas,
no procurar o renascimento
do meu corpo, enlaçado no teu!
O tempo passa apressado
sem meditação idónea,
neste coração de extremos sensíveis,
tão audíveis á paz!
E, neste acordar de sentires…
procuro o teu quente na cama,
que se gela de ti!...
Hoje o meu corpo,
aguarda p’lo teu…
nossa praia aguarda maré vazante…
todas as esperas são de louvar… e,
na hora que me abraces,
chores nos meus olhos,
beijes nossos beijos,
caminharemos juntos
no vaguear da nossa pele!



©{{coral}}
...escrevinhando…
Reservados os direitos de autor
Textos e poemas registados na SPA

publicado por {{coral}} às 23:38
link do post | As vossas palavras são importantes! | favorito
|
10 comentários:
De A.fe a 13 de Dezembro de 2006 às 10:10
coral obrigado pelas palavras no meu blog.

tenho um convite para pessoas que escrevem poesia com sensibilidade, se estiveres interessada envia-me um email para aguassantas11@sapo.pt
fico à tua espera!
ana
De Secreta a 14 de Dezembro de 2006 às 10:55
Palavras lindas , envolventes. Gostei muito.
Beijito :)
De Maria Valadas a 15 de Dezembro de 2006 às 15:44
Palavras tão macias como as pétalas das flores.. e o aroma delas chegam até aos leitores mais insensíveis!
Lindoooo...

Um bom fim de semana...

Beijos da..
Maria

De acassiacleta a 16 de Dezembro de 2006 às 20:56
Porque há esperas que compensam...dois corações acabam por caminhar juntos na mesma direcção...LINDO!!! Genuínas estas tuas palavras. ;) Beijinho
De woman's secret a 16 de Dezembro de 2006 às 22:14
..................*
................**,**
.............*****,*****
...........*******,*******
....*********,,,,,,,,,,,*********
..********,,,Feliz Natal,,,********
....*********,,,,,,,,,,,*********
...........********,*******
.............*****,*****
................**,**
..................*

De Jofre Alves a 17 de Dezembro de 2006 às 17:27
Passei para desejar boa semana preparatória do Natal e apreciar este sempre interessante blogue, atraente pela qualidade e desvelo inerente. A qualidade de braço dado com o bom-gosto.
Voltarei brevemente para apreciar mais.
De poemar a 17 de Dezembro de 2006 às 17:40
Gostei de te ler. Tudo de bom.
De Amaral a 17 de Dezembro de 2006 às 19:46
Se há poema que empolga, este é um deles.
Vagueando pelos versos, deslizamos por caminhos esguios onde os sentidos se entrecruzam e as sensações despertam sonhos de bem-estar...
Hoje, o teu corpo acorda o quente afago que é o instinto feminino do amar doce...
De Menina do Rio a 17 de Dezembro de 2006 às 20:06
Tenho andado pouco por aqui nesta época. Este fim de ano foi tenso, por conta do vestibular de minha filha e a festa de formatura dela. Vamos ver se de agora em diante consigo dar uma relaxada.
Deixo um beijo e votos de uma semana bem produtiva
De Toque Suave a 18 de Dezembro de 2006 às 18:51
Cantinho muito bonito e acolhedor :)
Gostei deste poema, tenho que voltar e ler mais!

Um beijo daqui

Comentar post

.Devagarinho se caminha...

.{{coral}}

.

.As minhas palavras...

. OUTONO...

. OS ANOS PASSAM...

. ESTA OUSADIA...

. A TUA AUSÊNCIA...

. E LÁ GANHÁMOS...

. DESENHA NO MEU CORPO...

. Silenciosamente!

. ABRO O BOLSO...

. AO MEU PAI!

. A TARDE ACONTECE...

. NO DIA DA MULHER

. PARA TI

. AMA-ME NOS AROMAS...

.arquivos

. Novembro 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.favoritos

. DIA MUNDIAL DA POESIA

.as horas no silêncio...

.As visitas ao meu blog


contadores de visitas

.Calendário

.Os cantinhos de magia...

.Vozes...