Terça-feira, 18 de Abril de 2017

DESENHA NO MEU CORPO...

 

2256476_640px.jpg

"Escultura de Lorenzo Quinn"

 

Desenha no meu corpo…

o caminho do céu.

Ensina-me as cores,

das nuvens e do arco-íris,

dos teus olhos.

Desenha no meu corpo…

as cores selvagens do teu rio,

as margens e os declives!

Eu ensinar-te-ei… o meu mar!

Desenha em mim…

o teu corpo, o teu sentir, o teu sorriso,

as tuas lágrimas, o teu grito, o teu silêncio!

Eu ensinar-te-ei “o amor”…

tudo quanto dou de mim!

Aprendo diariamente…

a afagar teus cabelos grisalhos,

tua pele vincada pela vida

que foste tecendo com bravura, e coragem!

Desenha no meu corpo…

a legitima herança que herdarei dos teus sonhos,

neste silencioso, mas tão corajoso amor!

Dá-me a tua mão…

vamos desenhar o nosso segredo,

a caminho do paraíso!

 

©{{coral}}

... escrevinhando…

 

publicado por {{coral}} às 21:25
link do post | As vossas palavras são importantes! | favorito (1)
|
2 comentários:
De simplicidade a 18 de Abril de 2017 às 22:31
Desenha " as tuas lagrimas, o teu grito, o teu silêncio "
Quanta suavidade e delicadeza neste poema. Quantos sentimentos nos trespassam a alma...
Adorei.

De Maria Mar a 21 de Abril de 2017 às 21:42
Olá menina,
Quantas palavras que nos derretem a alma. Adorei este teu poema, cheio de força e incentivo ao amor que tens pela tua "alma gémea". É um felizardo este teu homem.
Beijos da colega e amiga
Maria Mar

Comentar post

.Devagarinho se caminha...

.{{coral}}

.

.As minhas palavras...

. DESENHA NO MEU CORPO...

. Silenciosamente!

. ABRO O BOLSO...

. AO MEU PAI!

. A TARDE ACONTECE...

. NO DIA DA MULHER

. PARA TI

. AMA-ME NOS AROMAS...

. DEIXA...

. PASSEIO NA TUA PELE!

. DEBRUÇO-ME...

. FALA-ME

. FELIZ ANO NOVO

.arquivos

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.Poemas Ditos da {{Coral}}


Escutem os poemas em "Lugar aos Outros 30" 07-12-2006

.favoritos

. DIA MUNDIAL DA POESIA

.as horas no silêncio...

.As visitas ao meu blog


contadores de visitas

.Calendário

.Os cantinhos de magia...

.Vozes...