Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Palavras da coral

"Um mar de palavras de onde sairá uma tela colorida." "O mar é a minha inspiração, é o meu refúgio nas boas e más horas, descansa-me… e recolhe-me! O mar será sempre a minha casa… e

Vozes...

23
Out18

HOJE É O TEU DIA, MEU AMOR!

{{coral}}

IMG_0407.jpg

No teu corpo tatuei

o meu amor...

Aqueço-te o sangue

que nos faz correr no tempo!

Dou aos teus lábios

o sabor de mim...

e no meu interior, que te anseia,

transformo gotas de suor

no amor que nos damos!

Nossos corpos estão tatuados,

e vestidos da nossa nudez

fazemos mover teu rio…

que desagua no meu mar!

 

 

©{{coral}}

... escrevinhando…

20
Set18

HOJE BUSQUEI O SOL EM TI

{{coral}}

Azenhasdomar28062017017blog.jpg

 

... E PORQUE BUSQUEI O SOL EM TI DEIXO-TE ESTAS PALAVRAS...

Existem lugares...

que para mim são vazios!

Já visitei lugares

que para mim foram preciosos,

capazes de me gravar neles, me embalar,

e de contínua visita em espírito!

Já visitei caras

que para mim nada significaram,

outras que registo na memória dos meus passos!

Já visitei teu corpo,

e esse está em mim,

nos registos de tempo quente,

invernos bem molhados,

primaveras cantantes...

e outonos amarelecidos!

Um corpo que nunca passa despercebido,

que conheço centímetro a centímetro,

cada sinal, cada gesto, cada palavra, cada ruga,

em todas as atitudes precipitadas,

ou em cada acto de amor!

Teu corpo vive para dar calor ao meu,

sente cada passo que dou, cada incêndio que provoca,

cada silêncio que imprime nas ausências!

Existem lugares...

que por muito cativantes,

se apagam… naturalmente,

mas existem lugares que nunca vão sair de mim…

teu corpo é um dos lugares que jamais sairá de mim,

nem as ausências me farão esquecê-lo!

Teu corpo reside em cada passo meu,

em cada gesto, em cada atitude!...

Teu corpo é, e será sempre meu...

mesmo que a distância se implante em nós!

Teu corpo será sempre

um local de visita perene!

 

©{{coral}}

... escrevinhando…

10
Jan18

CAMINHANDO NAS PALAVRAS...

{{coral}}

 

 

 

Com palavras desenhamos sentimentos,
caminhando no imenso degrau da vida!
Com palavras te presenteio, te mimo,
te acarinho!
Com palavras construímos escadarias,
feitas de sons que nos tocam, que nos fazem vibrar!
Palavras feitas de mar…
Palavras feitas no tempo…
Palavras que nos envolvem com carinho,
Palavras feitas de luz,
que fazem brilhar o fundo do túnel!
Palavras nos sorriem,
Palavras nos amam,
Palavras quero de ti!...
Palavras, deixarei sempre que
o teu coração queira!
Desenhando palavras,
construímos sentimentos ansiosos por
conhecer o amanhã!
 
 
©{{coral}}
... escrevinhando…
 
01
Nov17

OUTONO...

{{coral}}

 

 

Com amarelas folhas de outono

O chão vai-se cobrindo…

Ficando o frio, e as gélidas pedras,

O nublado céu sem luz!

As árvores despem-se …

Ficando pendente o verde

Brilhante nos teus olhos,

Fica no solo húmido o passar de nós,

Vão hibernando as belas aves!

Escondem-se pelos caminhos …

As suaves carícias,

Ao suaves beijos,

Os caminhantes da vida!

As folhas do outono

Adormecem no chão frio…

Recolhem o calor dentro delas,

E suavemente chegam a ti!

 

 

@{{coral}}

... escrevinhando...

26
Jul17

OS ANOS PASSAM...

{{coral}}

 

 

Hoje,

beijo-te docemente!

Passam os anos...

e continuamos a ter este amor,

este sentimento profundo,

este abraçar quente,

este caminhar tão suave,

esta entrega pura!

Hoje,

passam 16 anos...

daquele Julho muito quente!

Hoje,

beijo-te docemente

para celebrar este nosso amor!

 

©{{coral}}

... escrevinhando…

Reservado Direitos de Autor

 

08
Jun17

ESTA OUSADIA...

{{coral}}

 

"Escultura de Lorenzo Quinn"

 

A ousadia de te amar…
faz de mim uma gaivota,
este querer soltar no mar
as pequenas asas…
O vento que sopra o teu corpo,
as mãos banhadas
nos lençóis dos teus olhos,
a melodia das palavras
saídas dos teus lábios!
A ousadia de te amar…
Faz de mim mulher amante,
estrela brilhando no céu,
gota diluída no mar,
rocha… que tudo ampara,
rosa… sem espinhos cravados
adormecendo no sonho infinito,
de unir nossos corpos
vestidos de nós!
A ousadia de te amar…
é esta força de querer
ter o sol dentro de mim!
 

©{{coral}}
... escrevinhando…

 

21
Mai17

A TUA AUSÊNCIA...

{{coral}}

 

Ausência…

É esta ânsia da tua pele

Ausência…

É este querer a tua imagem

Ausência…

É este partir lentamente

Ausência…

É este nó que nos agarra!

Ausência…

Sou eu apagando o sol

Ausência…

É correr sem a luz da lua

Ausência…

É este buscar e não agarrar o teu olhar

Ausência…

… tenho de aprender a viver a tua ausência!

Ausência…

É este morrer lentamente nas paredes da solidão!

 

©{{coral}}
... escrevinhando...

 

 

14
Mai17

E LÁ GANHÁMOS...

{{coral}}

  A simplicidade deste lindissimo poema com uma melodia de embalar com letra

  e música de Luisa Sobral lá ganhámos o festival da eurovisão.

  Deixo-vos este simples poema de amor na voz de Salvador Sobral.

  Parabéns aos dois!

 

 

  Se um dia alguém

  Perguntar por mim

  Diz que vivi

  Para te amar


  Antes de ti

  Só existi

  Cansado e sem nada p’ra dar

  Meu bem

  Ouve as minhas preces

  Peço que regresses

  Que me voltes a querer

 

  Eu sei

  Que não se ama sozinho

  Talvez devagarinho

  Possas voltar a aprender

 

  Se o teu coração

  Não quiser ceder

  Não sentir paixão

  Não quiser sofrer


  Sem fazer planos

  Do que virá depois

  O meu coração

  Pode amar pelos dois

 

  Luisa Sobral (Autora)

 

18
Abr17

DESENHA NO MEU CORPO...

{{coral}}

 

2256476_640px.jpg

"Escultura de Lorenzo Quinn"

 

Desenha no meu corpo…

o caminho do céu.

Ensina-me as cores,

das nuvens e do arco-íris,

dos teus olhos.

Desenha no meu corpo…

as cores selvagens do teu rio,

as margens e os declives!

Eu ensinar-te-ei… o meu mar!

Desenha em mim…

o teu corpo, o teu sentir, o teu sorriso,

as tuas lágrimas, o teu grito, o teu silêncio!

Eu ensinar-te-ei “o amor”…

tudo quanto dou de mim!

Aprendo diariamente…

a afagar teus cabelos grisalhos,

tua pele vincada pela vida

que foste tecendo com bravura, e coragem!

Desenha no meu corpo…

a legitima herança que herdarei dos teus sonhos,

neste silencioso, mas tão corajoso amor!

Dá-me a tua mão…

vamos desenhar o nosso segredo,

a caminho do paraíso!

 

©{{coral}}

... escrevinhando…

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

{{coral}}

.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D